• UnBcast

As percepções de alunos brasileiros de ensino médio sobre o processo de ensino

Dissertação de Mestrado | Fonte: Repositório Institucional da UnB



Autoria: Raila Spindola de Ataides | Universidade de Brasília - DF


As percepções de alunos brasileiros de ensino médio sobre o processo de ensino - aprendizagem a partir do consumo e interação com podcasts educativos


Resumo: Esta pesquisa se propõe a analisar as percepções que jovens em fase de ensino médio que consomem e interagem habitualmente com podcasts de teor educativo têm sobre o processo de ensino-aprendizado e qual é a influência dos programas nessas percepções. Os podcasts compreendidos como educativos para a pesquisa são os que abordam conteúdos curriculares de ensino médio, têm referenciais bibliográficos pedagógicos e informativos citados durante o programa ou em materiais de apoio e contam com a participação de profissionais com formação acadêmica ou experiência nas áreas dos temas abordados nos programas. Com essa finalidade, foi feita uma investigação qualitativa com quatro estudantes de nível médio de 17 a 19 anos, de escolas particulares e públicas, utilizando como método a entrevista em profundidade semiestruturada e a análise dos dados coletados. Para atingir os objetivos, foi fundamental a realização de uma pesquisa a respeito do papel e impacto da educação e do aprendizado científico na formação humana, em particular no cenário brasileiro, e discorrer a respeito do uso das novas tecnologias na educação e a educação na contemporaneidade. Para tal, foram utilizados como referencial teórico as obras Pedagogia da Autonomia (FREIRE P., 2011) e Redes ou Paredes (SIBILIA, 2012). Compreender e delimitar o podcast enquanto mídia também era um passo importante para contextualizar o objeto do estudo e, para isso, analisar a história e a realidade social e cultural da qual fizeram parte os outros dois meios diretamente responsáveis pelo surgimento e linguagem dessa mídia: o rádio e a internet, em particular a web 2.0. Para isso, utilizou-se como base as obras Cibercultura (LÉVY, 2010), Cultura da Convergência (JENKINS, 2009) e Teorias do Rádio (MEDITSCH, 2005). No que diz respeito ao podcast enquanto mídia, foram utilizadas publicações diversas dos autores Luiz Lúcio e Alex Primo (2005-2014) e a tese de doutorado de Eugênio Freire (2013) sobre o podcast na educação brasileira. Os resultados obtidos demonstram que há influência do consumo e interação com podcasts educativos nas percepções dos estudantes de ensino médio a respeito do processo de ensino-aprendizado. A partir do contato com os podcasts, os entrevistados demonstraram apreciar mais o processo de ensino-aprendizado e acreditam que a mídia os fez perceber que aprender não precisa ser um processo opressivo; transformando, em alguns casos, as relações construídas com a escola e os professores. Os estudantes percebem os métodos tradicionais de ensino das diversas escolas que frequentaram como um fator que, por diversas vezes, gera sobrecarga em seus processos pessoais de aprendizado. No entanto, o podcast é um auxílio para passar por esse processo de diversas formas, seja tornando o aprendizado fora da escola mais tranquilo e divertido ou ressignificando a forma como as instituições de ensino são percebidas. O desenvolvimento do senso crítico a partir de uma educação problematizadora e do estímulo da curiosidade epistemológica, que vai além da curiosidade ingênua ou senso comum (FREIRE, P., 2016), é outra característica verificada nos depoimentos dos entrevistados e demonstra ter origem não apenas na escola, mas também no tipo de conteúdo educativo que consomem de forma autônoma, como os podcasts. Os entrevistados declaram ou demonstram que os podcasts ajudaram nas provas de ingresso em instituições de ensino superior e que tiveram influência em suas escolhas de cursos de graduação e desejos profissionais. É possível verificar a partir dos entrevistados que os estudantes de ensino médio usuários dos podcasts educativas têm traços de perfil de proatividade nos estudos, uma curiosidade aflorada e certa facilidade com o uso das tecnologias para fins diversos de pesquisa e aprendizado.


Palavras-chave: Podcast, educação, comunicação, aprendizado autônoma, percepção.


Link de Acesso: https://repositorio.unb.br/handle/10482/40168